Resenha do Balaio: Yamasterol Creme Multifuncional

Passando pelo processo de Transição Capilar, o que significa voltar para o meu cabelo cacheado, estou abusando da texturização para tentar disfarçar a raiz cacheada com as pontas lisas. Para me auxiliar nesse processo, já comprei trocentos cremes sem enxágue, que por tabela ajudam na hidratação e nutrição do cabelo.

Entre os produtos que estou usando, um em especial é bem antigo no mercado, porém, essa é a primeira vez que compro e uso o Yamasterol Creme Multifuncional.

yamasterol-01
Opções de tamanhos disponibilizados pela marca

Desde criança escuto as pessoas falarem desse creme, e ele sempre estava na prateleira do supermercado ao lado do Neutrox, que na época era sempre o escolhido pela minha mãe. Mesmo com o passar do tempo, e ainda com o cabelo cacheado (com alongamento, porém, ainda cacheado), ele nunca foi uma opção para mim.

Hoje, mais de vinte anos depois, ele finalmente entrou no meu carrinho de compras e agora posso dizer que o meu cabelo já sentiu os efeitos desse antiguinho que continua sendo o preferido de muitas cacheadas e daquelas que, assim como eu, estão voltando para os cachos 😉

Bem, deixando de blá blá blá, vamos para a resenha!

Adquiri o Yamasterol Creme Multifuncional com babosa e D-Pantenol de 200g (existem ainda as embalagens de 90g, 320g e 900g), e logo na embalagem você já fica sabendo de várias coisas:

– Foi criado em 1967 (é o vovô dos cremes multifuncionais);

– Indicado para todos os tipos de cabelo;

– Sem parafina e silicone (o que faz dele um produto indicado para co-wash – lavagem sem xampu, e apenas com o condicionar ou creme multifuncional – depois foi fazer um post falando especificamente sobre essa técnica).

yamasterol-02

No verso do produto estão descritas as formas de uso: pré-xampu, creme para pentear, co-wash e nos banhos de mar ou piscina.

Ainda sobre a embalagem, ela é super simples, de plástico transparente e com bico dosador que cumpre bem a sua função (então, nada de desperdício).

yamasterol-05Vamos agora para o produto. Essa versão do Yamasterol é amarelinha, e apesar de ser um creme, é bem fluido, daqueles que se colocado na mão e virar, ele escorre. A fragrância não é tão boa, não é doce e posso até dizer que lembra o cheiro de algum produto manipulado para os cabelos que eu já usei, porém, não me incomoda e nem fica forte no cabelo. Com o passar do tempo o cheirinho vai ficando suave até desaparecer.

Esse creme é conhecido por ser bem leve, e não promete ativar os cachos ou coisa parecida. Sua função principal é aquela dita na embalagem: hidratar, proteger, desembaraçar e dar brilho. Com base nessas informações vou agora dizer como esse vovô se comportou nos meus cabelos meio a meio (meio cacheado, meio liso) 🙂

Meu cabelo é pouco e é fino, então, basta eu piscar os olhos para errar a medida do creme e ele ficar com aspecto pesado, oleoso e parecendo sujo (detesto!). Mesmo sabendo que o Yamasterol é leve e fluido, fui comedida na primeira vez que usei, e mesmo achando que tinha passado muito pouco, não é que o danadinho fez efeito 😀

Logo que passei do cabelo senti que os fios ficaram mais maleáveis, e pentear foi um passo tranqüilo. Sequei ao natural, e quando esse processo terminou, meu cabelo estava brilhoso, sedoso e com a aparência de cabelo limpo (nada oleoso e nada pesado). Até agora tudo certo.

yamasterol-04

Em seguida passei para a etapa da texturização, e no meu caso ela só funciona com o cabelo seco, mas já descobri que alguns produtos interferem negativamente atrapalhando a modelagem do cacho. Como o Yamasterol não é um ativador de cachos, como falei anteriormente, nesse momento tive receio, mas fiz o que sempre faço, e aqui segue o link da texturização que está dando certo para mim.

Depois de duas horas, linda e com uma meia calça amarrada no juízo, tirei o adereço nada sexy, agitei a cabeça e arrumei como costumo fazer. Sabe qual foi o resultado: show de bola, e inclusive, acho que os cachos ficaram até mais bonitos.

Usei por mais quatro vezes o produto, para saber se o resultado era esse mesmo, e o creme se comportou maravilhosamente bem nas minhas madeixas.

yamasterol-03

Minha avaliação final é que o Yamasterol é mesmo essa babado todo que falam, e o que me deixa mais feliz é que paguei apenas, e somente, R$ 4,00. Juntou eficiência com economia, e a gente adora quando isso acontece 😉 Com certeza entrou na minha lista dos cremes preferidos, e não largo nunca mais!

por, Dani Rabelo

 

 

Anúncios

Um comentário em “Resenha do Balaio: Yamasterol Creme Multifuncional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s